Instituto Nacional de Estatística Censos 2011
 
    

Emigração Portuguesa (estatísticas retrospectivas e reflexões temáticas)
Humberto Moreira > Revista de Estudos Demográficos - 2.º Semestre de 2005 > INE, 2006, p. 47 - 65

Análise Quadros e tabelas Gráficos e Diagramas Mapas temáticos
Resumo

O objectivo deste artigo, com base na experiência profissional do autor e nos conhecimentos sobre métodos e fontes, é expor dois ou três assuntos, sobre a função estatística, no contexto das migrações e da situação demográfica em Portugal e apresentar alguns contributos para a reflexão sobre as perspectivas de acção futura nesta matéria. No âmbito da cooperação institucional, entre o Instituto Nacional de Estatística (INE), o Centro Europeu de Estatística para os Países em vias de Desenvolvimento (CESD-Lisboa) e o Instituto Superior de Estatística e Gestão da Informação (ISEGI), realizou-se um estágio curricular na área das estatísticas migratórias, do qual o autor foi orientador, que se concretizou na constituição de uma base de dados sobre a emigração oficial portuguesa, relativa ao período de 1960 a 1988. A partir desta experiência positiva, foram surgindo referências, relacionadas com o tema, sobre factos, constrangimentos e benefícios, bem como sobre a dicotomia entre a informação estatística e os acontecimentos reais, na constante procura de desenvolver o domínio das migrações internacionais.


palavras-chave: estágio curricular, emigração oficial e não controlada, imigração legal e irregular, fluxos migratórios (entrada ou saída), saldo migratório, estimativas da população, recenseamento da população, controlo de fronteiras, inquérito às famílias, registos da população.


Texto integral do Estudo
Download do documento PDF (577 Kb)







censos@ine.pt © 2009-2014, Instituto Nacional de Estatística

[ D] Em conformidade com o nível 'A' das WCAG 1.0 do W3C